Um Ponto de Luz

Por que não precisamos ser mais do que um simples ponto de luz.




quarta-feira, 18 de janeiro de 2017


Como Falar de Espiritualidade Sem Correr o Risco de Parecer Proselitismo.


Trazendo um pouco da minha humilde experiência no contexto da fé cristã, posso dizer que quando se fala de espiritualidade logo vem à mente palavras enraizadas dentro do tema religiosidade: templos, rituais, sacrifícios, enfim, tudo que está ligado a liturgias; porém não é sobre nada disso que pretendo escrever.

Pretendo discorrer sobre a necessidade em atentar para a busca da espiritualidade e sua importância na manutenção de nossa maturidade e sanidade emocional.

O homem, por natureza, está voltado para as coisas que transcendem, a espiritualidade é um canal para essa transcendência.

A espiritualidade tem como responsabilidade construir em nós aquela serenidade emocional tão necessária para que possamos descobrir, primeiramente dentro nós, o sentido da vida.

Viktor Frankl* citou que a busca de sentido na vida da pessoa é a principal força motivadora no ser humano.

Acredito que a espiritualidade nos abre essa porta com perfeição. É onde procuramos pausar tudo que nos cerca e voltamos para o que está além dos ruídos, dores, e tempestades que nos sobrevêm.

Precisarmos parar e escutar aquela voz que sussurra fortemente dentro de cada um de nós. Essa voz, eu denomino voz do Espírito Santo. Há os que chamam de força superior, há os que chamam de força de vida, força da natureza. Não importa como você chama, o fato é que somos espíritos vivendo em um corpo e possuímos uma alma. Por isso de forma alguma podemos abrir mão da espiritualidade.

É ela que nos desconecta com o plano carnal e nos conecta com o que é puro, que transcende.

O espiritual trabalha em nós o que temos de mais sublime: Fé, esperança, essência humana, amor ao próximo. E a forma como ‘nos tornamos seres humanos melhores, muito mais abertos para fazer o bem, para que tenhamos empatia com a dor e o sofrimento alheio.

É como afinamos o olhar para as belezas da vida, para a criação de Deus.

À medida que vamos deixando a espiritualidade de lado, paulatinamente nos perdemos de nós mesmos, passando a absorver tudo de ruim que nos cerca diuturnamente.

Ao nascermos foi soprado em nós o fôlego de vida. Esse sopro trouxe para nós o que costumo chamar de partículas de Deus e Deus é espírito. Então, torna-se necessário buscarmos o espiritual para mantermos fiel essa centelha. Reveja o significado de espiritualidade.

Resignifique fé em seus dias veja se a espiritualidade que há em você tem feito diferença em seu modo de olhar o mundo e as pessoas que estão ao seu redor.

Se as pregações dos seus lábios coadunam com o olhar ou o julgamento que você direciona ao que não pensa ou age como você.

Não escrevo como uma crítica, antes pelo contrário, a intenção é justamente incentivar seu exercício de fé, sua prática de espiritualidade.

Noh Oliveira

Viktor Emil Frankl [Viena, 26/03/1905 -2/09/1997] foi um médico psiquiatra austríaco, fundador da escola da logoterapia, que explora o sentido existencial do indivíduo e a dimensão espiritual da existência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário